Ah, comer… esse ato incrível, que é certamente uma das três melhores coisas do mundo a se fazer, é algo que ninguém dispensa. Seja para aqueles que tem uma alimentação balanceada, bem nutritiva, ou para quem enfia o pé na jaca todos os dias da semana. A hora de uma refeição é sempre das mais esperadas do dia.

No entanto, na hora de viajar, comer bem pode ser um problema. Afinal, muitas cidades turísticas apresentam um complicador comum entre si: a esperteza dos estabelecimentos alimentícios cobrarem um pouco a mais do que o normal, para se aproveitarem do público que vem de fora.

E no Rio de Janeiro, uma das cidades com maior custo de vida do mundo, não seria diferente. Mas, fique tranquilo. Se você é daqueles que não deixa passar a oportunidade de se deliciar nas comidas típicas de um lugar, e quer gastar pouco com isso, chegou a sua hora. Nesse texto, iremos trazer as melhores comidas de rua da cidade maravilhosa.

Garantimos que, nessa relação, você encontrará só comida da melhor qualidade, e que te fará lamber os beiços. Mas o melhor de tudo: por um precinho camarada. Esses são os seguintes lanches que você deve fazer no Rio para te dar ainda mais energia para curtir as maravilhas cariocas:

– Tapioca

– Coxinha

– Batata de Marechal

– Cachorro Quente da Afonso Pena

– Açaí de rua

FAÇA SEU ORÇAMENTO GRATUITO PELO NOSSO WHATSAPP

Tapioca

Não tem como fugir. Essa iguaria, tipicamente nordestina, já faz parte do cotidiano do carioca. Muitos compram em mercados para poder fazer em casa, afinal, a tapioca serve tranquilamente como um lanche que substitui um almoço ou uma janta.

No entanto, convenhamos que, para quem vem ao Rio de Janeiro para curtir férias, não quer perder tempo na cozinha, não é mesmo? Por isso, aqui indicamos as barraquinhas de tapioca que ficam nos arredores da estação de metrô da Siqueira Campos, em Copacabana. Elas ficam na altura do El Misti Rio e são uma excelente pedida.

Pois, além de contar com uma infinidade de sabores, tanto doces, salgados, o precinho é muito em conta: apenas 7 reais, por uma tapioca que é muito satisfatória! Em Ipanema, também tem vendedores ambulantes que preparam tapiocas caprichadas em frente a entrada da estação Nossa Senhora da Paz, a mais próxima do El Misti Ipanema. Uma verdadeira gostosura!

Coxinha


CONHEÇA TODAS AS MARAVILHAS DO BAIRRO DE IPANEMA

Agora vamos falar daquele que é, sem dúvidas, o salgado mais desejado por turistas estrangeiros. A coxinha desperta o interesse em todos os gringos que vem ao Brasil. É quase como se fosse a versão alimentícia da caipirinha.

Massa frita, crocante por fora, com frango bem temperado desfiado por dentro e um pouco de catupiry para dar aquele “tchan”. Isso tudo faz com que uma coxinha seja considerada o melhor salgado que existe. E para comer uma de qualidade, o melhor point no Rio para fazer isso é a lanchonete Fornalha.

Localizado no bairro de Humaitá, Zona Sul carioca, o estabelecimento já é reconhecido há tempos como o melhor lugar para degustar uma coxinha na hora que a fome bater. Então, já sabe: não quer arriscar na hora do lanche? A coxinha do Fornalha é a melhor pedida!

Batata de Marechal

PARA TUDO! Agora vamos apresentar a você aquela que é a queridinha dos cariocas. Infelizmente, não são muitos os turistas que param para apreciar essa batata de magnitude estratosférica. Um lanche que não somente vai encher sua barriga, como vai te impressionar do início ao fim.

A batata de Marechal, que ficou reconhecida pelo Brasil inteiro, começou como um pequeno investimento de apenas 8 reais em uma barraquinha de rua, e se tornou num fenômeno de vendas. Geralmente, o público consumidor de lá são cariocas transeuntes que levam a batata como uma refeição final do dia ou grupos de amigos que param para dividir uma gigante porção.

E é aqui que queremos tornar o seu roteiro na cidade maravilhosa diferenciado. Ao vir para o Rio, fuja do convencional. Não fique somente pelas área mais nobres da cidade a base de refeições refinadas e de preços exorbitantes. É no subúrbio do Rio que você vai poder experimentar lanches como a batata de Marechal, que se situa na rua João Vicente, 1543, no bairro de Marechal Hermes.

O acompanhamento da batata, você escolhe. Pode ser bacon, calabresa, cheddar, ou o que te der na telha. O importante é que se trata de uma comida que você não pode deixar de experimentar.


PEÇA SEU ORÇAMENTO GRATUITO NO NOSSO WHATSAPP

Cachorrão-quente da Afonso Pena

Você que tá acostumado com aquele cachorro quente padrão, num pão careca padrão, dos que vendem no mercado, com alguns adicionais, esqueça tudo isso. Porque no Cachorrão Quente da Afonso Pena, você irá redefinir seus conceitos de “podrão”.

Primeiramente, temos de apresentar a Praça Afonso Pena. Localizada no bairro de Santo Cristo, é lá que você, por apenas 6 reais (!!!!!!) irá ter o direito a devorar um cachorro-quente imenso. Já deve estar curioso para saber qual o tamanho do lanche né.

Se você chutou 15 cm, errou. Se imaginou que são 20, passou longe. São nada mais, nada menos, que 30 centímetros de cachorro-quente. E o melhor, com direito a todos os adicionais que você puder imaginar (menos purê de batata, ok, paulistas de plantão?).

Lembrando que no Santo Cristo acontecem várias festas excelentes durante o final de semana. Então, já sabe o script, né? Saiu trêbado da balada, morrendo de fome, e não quer gastar muito num lanche no McDonald´s mais perto? É só comparecer nesse patrimônio carioca que é o Cachorrão da Afonso Pena!

Açaí de rua

Chegou a hora da sobremesa. Ou simplesmente aquele lanche gostoso do meio da tarde para se aliviar do calor. Ele que sofre com muito preconceito. Desinformados dizem que ele tem gosto de terra. Mas são apenas pessoas que não sabem o que diz. Porque o açaí é simplesmente a forma mais deliciosa e refrescante de consumir um doce no Rio de Janeiro.

E são diversas as possibilidades de bater um copão de açaí em terras cariocas. Se você é daqueles mais gourmet, que topa pagar mais caro no açaí e ter direito de colocar até a mãe como cobertura, indicamos o Fast Açaí. Essa loja fica na Barata Ribeiro, uma das principais avenidas de Copacabana, na altura da Rua Anita Garibaldi.

No entanto, se você é mais roots e topa comer um açaí de barraquinha, é só aparecer na orla da praia de Copacabana. Lá, vai ser possível achar 300ml de açaí por volta de 8 ou 9 reais. O que se tratando de Rio de Janeiro é um preço excelente.

Sentiu falta de alguma comida de rua do Rio de Janeiro que você já experimentou e ama? Diz aí nos comentários!!

ENTRE EM CONTATO COM A NOSSA CENTRAL DE ATENDIMENTO

Comments

comments